Pesquisar este blog

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

domingo, 27 de novembro de 2011

O Fado é Património da Humanidade


Que o fado é património mundial, foi a decisão aprovada hoje, no comité intergovernamental da UNESCO

terça-feira, 15 de novembro de 2011





“Se não deres nada de ti mesmo aos outros pouco de ti acabará por valer alguma coisa.” George Allen

ACORDEM PORTUGUESES




SE DIMINUIREM 50% DESTAS DESPESAS PROVAVELMENTE NÃO PRECISAMOS DO FMI PARA NADA

Diário da República nº 28 - I série (para que se divulgue...)

"Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e

sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, aguentando pauladas, sacos

de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de

dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz

de sacudir as moscas...'

Guerra Junqueiro, in "Pátria", escrito em 1896

Diário da República nº 28 - I série- datado de 10 de Fevereiro de 2010 - RESOLUÇÃO da Assembleia da República nº 11/2010.

Poderão aceder através do site http://WWW.dre.pt/



Algumas rubricas do orçamento da Assembleia da Republica

1 - Vencimento de Deputados .................................................12 milhões 349 mil Euros
2 - Ajudas de Custo de Deputados.............................................2 milhões 724 mil Euros

3 - Transportes de Deputados ...................................................3 milhões 869 mil Euros

4 - Deslocações e Estadas .........................................................2 milhões 363 mil Euros

5 - Assistência Técnica (??) .......................................................2 milhões 948 mil Euros

6 - Outros Trabalhos Especializados (??) ...................................3 milhões 593 mil Euros

7 - RESTAURANTE,REFEITÓRIO,CAFETARIA...............................................961 mil Euros

8 - Subvenções aos Grupos Parlamentares................................................970 mil Euros

9 - Equipamento de Informática ................................................2 milhões 110 mil Euros

10- Outros Investimentos (??) ....................................................2 milhões 420 mil Euros

11- Edificios ...............................................................................2 milhões 686 mil Euros

12- Transfer's (??) Diversos (??)................................................13 milhões 506 mil Euros

13- SUBVENÇÃO aos PARTIDOS na A. R. .................................16 milhões 977 mil Euros

14- SUBVENÇÕES CAMPANHAS ELEITORAIS ...........................73 milhões 798 mil Euros


É VERGONHOSO....,O POVO É QUE TEM DE PAGAR !!!!!!!!!!!! REPASSEM PARA QUE TODOS SAIBAM ACERCA DOS QUE FALAM EM NOME DO POVO E DOS INTERESSES DO PAÍS

O porquê de Portugal estar na falência!

Como se chama a isto em Português?



PORQUE ESTAMOS NA FALÊNCIA??????


420.000,00 ............TAP.............. ............administrador .........."Fernando Pinto

371.000,00 .............CGD.......................... administrador.......... "Faria de Oliveira

365.000,00 .............. PT.......... .................administrador.......... "Henrique Granadeiro

250.040,00..............RTP...........................administrador.......... "Guilherme Costa

249.448,00 ......Banco Portugal ............administrador.......... "Vítor Constâncio

247.938,00...............ISP.......................... administrador..........."Fernando Nogueira

245.552,00............CMVM........................ Presidente................."Carlos Tavares

233.857,00.............ERSE......................... administrador.........."Vítor Santos

224.000,00...........ANA COM....................administrador.........."Amado da Silva

200.200,00..............CTT........................... Presidente..............."Mata da Costa

134.197,00.... Parpublica.............. administrador........."José Plácido Reis

133.000,00...............ANA ........................ administrador.........."Guilhermino Rodrigues

126.686,00...............ADP......................... administrador.........."Pedro Serra

96.507,00............Metro Porto............... administrador.........."António Oliveira Fonseca

89.299,00 ...............LUSA........................ administrador.........."Afonso Camões

69.110,00..................CP........................... administrador.........."Cardoso dos Reis

66.536,00................REFER....................... administrador.........."Luís Pardal: Refer

66.536,00............Metro Lisboa.............. administrador.........."Joaquim Reis

58.865,00...............CARRIS..................... administrador..........."José Manuel Rodrigues"

58.859,00..................STCP........ ...............administrador.........."Fernanda Meneses"

----------------------------------------------------------------------------------------------

3.706.630,00 ?

-----------------------------------------------------------------------------------------------

51.892.820,00 Valor do ordenado anual (12 meses + subs Natal + subs férias)

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

926.657,50 Média Prémios

------------------------------------------------------------------------------------------

52.819.477,50 ?

------------------------------------------------------------------------------------------

900,00 Média de um funcionário público

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

58.688,31 - nº de funcionários públicos que dá para pagar com o mesmo dinheiro...

--------------------------------------------------------------------------------------------

E DEPOIS AINDA QUEREM SABER SE A MALTA

ESTÁ DISPOSTA A ABDICAR DO SUBSÍDIO DE

FÉRIAS E/OU NATAL PARA AJUDAR O PAÍS...

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Momento
Pedro Abrunhosa

http://letras.terra.com.br/pedro-abrunhosa/66465/#selecoes/82042/


Uma espécie de céu
Um pedaço de mar
Uma mão que doeu
Um dia devagar
Um Domingo perfeito
Uma toalha no chão
Um caminho cansado
Um traço de avião
Uma sombra sozinha
Uma luz inquieta
Um desvio na rua
Uma voz de poeta
Uma garrafa vazia
Um cinzeiro apagado
Um hotel na esquina
Um sono acordado
Um secreto adeus
Um café a fechar
Um aviso na porta
Um bilhete no ar
Uma praça aberta
Uma rua perdida
Uma noite encantada
Para o resto da vida

(Refrão)
Pedes-me um momento
Agarras as palavras
Escondes-te no tempo
Porque o tempo tem asas
Levas a cidade
Solta me o cabelo
Perdes-te comigo
Porque o mundo é o momento
(repete)

Uma estrada infinita
Um anuncio discreto
Uma curva fechada
Um poema deserto
Uma cidade distante
Um vestido molhado
Uma chuva divina
Um desejo apertado
Uma noite esquecida
Uma praia qualquer
Um suspiro escondido
Numa pele de mulher
Um encontro em segredo
Uma duna ancorada
Dois corpos despidos
Abraçados no nada
Uma estrela cadente
Um olhar que se afasta
Um choro escondido
Quando um beijo não basta
Um semáforo aberto
Um adeus para sempre
Uma ferida que dói
Não por fora, por dentro

terça-feira, 18 de outubro de 2011

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

A humana consciência humana


Na voz da consciência humana o juiz interior mostra o bem e o mal ... A aceitação serena daquilo que não se pode mudar, com o que, apesar de tudo, temos de conviver é um meio de progredir e, quanto mais firmeza, mais perseverança e boa vontade tivermos, mais a harmonia e o senso de missão cumprida é sentido. A aceitação não é dos fracos e sim dos fortes que adquirem força vital e saúde excelente, sempre no intuito de alegrar e ajudar o próximo, afirmando no durante que no fim o beneficiado acaba por ser o próprio ser. O tecido de que é feita a vida é composto por muitas rasteiras e muitos enganos, com grande multiplicidade de cores e formas, que formam um grande mosaico, e, a principal matéria prima deste tecido é, sem dúvida alguma, a emoção. Cada pequeno acto que praticamos, estejamos nós conscientes ou não, é conduzido por uma emoção, ou seja por uma razão. É por conseguinte essencial que permaneçamos consci...entes das emoções que predominam em nós. Elas farão toda a diferença e determinarão se a nossa vida será rica ou miserável. E, se as emoções são as principais componentes do tecido da vida, sem qualquer sombra de dúvida que o amor é a fonte mais poderosa de emoções positivas que temos à nossa disposição, sendo assim o fio mais valioso do tecido da nossa existência.

Quando vivemos em perfeita sintonia com a nossa essência, com a fonte de amor que habita dentro de nós e que nos transforma cada dia, a nossa vida transforma-se num êxtase permanente, pois o coração está sempre no comando de tudo o que necessitamos verdadeiramente, e em sintonia profunda com ele encontramos o nosso caminho. Esta é a única maneira de conhecermos o real e verdadeiro sentido da palavra liberdade, então, a cada dia, honrar o divino em nós, é fundamental para viver em perfeita sintonia com o sagrado, pois só assim as nossas acções serão totalmente fiéis aos nossos anseios como pessoas de bem e para o bem. (RDA ManuelaSPinheiro)

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

DE LEMBRAR E LAMENTAR




“El mundo perdió a un asombroso ser humano”, añade el reporte.

“Quienes tuvieron la fortuna de conocer y trabajar con Steve han perdido un amigo muy querido y un insiprador mentor”, reza el informe.

Añade que Steve deja atrás una compañía que solamente él pudo haber construido. “Su espíritu vivirá por siempre en la fundación Apple”, concluye.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

A saúde mental dos portugueses


A saúde mental dos portugueses
------------------------------
*Transcrição do artigo do médico psiquiatra Pedro Afonso, publicado no**
Público, 2011-06-21

*Alguns dedicam-se obsessivamente aos números e às estatísticas esquecendo que a sociedade é feita de pessoas.

Recentemente, ficámos a saber, através do primeiro estudo epidemiológico nacional de Saúde Mental, que Portugal é o país da
Europa com a maior prevalência de doenças mentais na população. No último ano, um em cada cinco portugueses sofreu de uma doença
psiquiátrica (23%) e quase metade (43%) já teve uma destas perturbações durante a vida.

Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque assisto com impotência a uma sociedade perturbada e doente em que violência,
urdida nos jogos e na televisão, faz parte da ração diária das crianças e adolescentes. Neste redil de insanidade, vejo jovens
infantilizados incapazes de construírem um projecto de vida, escravos dos seus insaciáveis desejos e adulados por pais que satisfazem todos
os seus caprichos, expiando uma culpa muitas vezes imaginária. Na escola, estes jovens adquiriram um estatuto de semideus, pois todos
terão de fazer um esforço sobrenatural para lhes imprimirem a vontade de adquirir conhecimentos, ainda que estes não o desejem. É natural
que assim seja, dado que a actual sociedade os inebria de direitos, criando-lhes a ilusão absurda de que podem ser mestres de si próprios.

Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque, nos últimos quinze anos, o divórcio quintuplicou, alcançando 60 divórcios por cada 100
casamentos (dados de 2008). As crises conjugais são também um reflexo das crises sociais. Se não houver vínculos estáveis entre seres
humanos não existe uma sociedade forte, capaz de criar empresas sólidas e fomentar a prosperidade. Enquanto o legislador se entretém
maquinalmente a produzir leis que entronizam o divórcio sem culpa, deparo-me com mulheres compungidas, reféns do estado de alma dos
ex-cônjuges para lhes garantirem o pagamento da miserável pensão de alimentos.

Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque se torna cada vez mais difícil, para quem tem filhos, conciliar o trabalho e a família.
Nas empresas, os directores insanos consideram que a presença prolongada no trabalho é sinónimo de maior compromisso e
produtividade. Portanto é fácil perceber que, para quem perde cerca de três horas nas deslocações diárias entre o trabalho, a escola e a
casa, seja difícil ter tempo para os filhos. Recordo o rosto de uma mãe marejado de lágrimas e com o coração dilacerado por andar tão
cansada que quase se tornou impossível brincar com o seu filho de três anos.

Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque a taxa de desemprego em Portugal afecta mais de meio milhão de cidadãos. Tenho
presenciado muitos casos de homens e mulheres que, humilhados pela falta de trabalho, se sentem rendidos e impotentes perante a maldição
da pobreza. Observo as suas mãos, calejadas pelo trabalho manual, tornadas inúteis, segurando um papel encardido da Segurança Social.

*Interessa-me a saúde mental dos portugueses porque é difícil aceitar** que alguém sobreviva dignamente com pouco mais de 600 euros por mês,
enquanto outros, sem mérito e trabalho, se dedicam impunemente à actividade da pilhagem do erário público.* Fito com assombro e
complacência os olhos de revolta daqueles que estão cansados de escutar repetidamente que é necessário fazer mais sacrifícios quando
já há muito foram dizimados pela praga da miséria.

Finalmente, interessa-me a saúde mental de alguns portugueses com responsabilidades governativas porque se dedicam obsessivamente aos
números e às estatísticas esquecendo que a sociedade é feita de pessoas. Entretanto, com a sua displicência e inépcia, construíram um
mecanismo oleado que vai inexoravelmente triturando as mentes sãs de um povo, criando condições sociais que favorecem uma decadência
neuronal colectiva, multiplicando, deste modo, as doenças mentais.

E hesito em prescrever antidepressivos e ansiolíticos a quem tem o estômago vazio e a cabeça cheia de promessas de uma justiça que se
há-de concretizar; e luto contra o demónio do desespero, mas sinto uma inquietação culposa diante destes rostos que me visitam diariamente.

Pedro Afonso
Médico psiquiatra

sábado, 25 de junho de 2011

A EVOLUÇÂO HUMANA !!!

A Evolução Humana


Autor: Ruben Zevallos Jr.


Desde que os primeiros macacos decidiram usar um osso para caçar e também se defender (como apresentado no filme 2001 de Stanley Kubrick), pouco mudou.

Tudo bem... hoje, temos carros maravilhosamente rápidos, já fomos a lua, vestimos roupas em vez daquele vestuário padrão e antiquado de peles e ainda tem mais, tomamos banho e comemos com talheres... bem, quase todos.

Mesmo com tudo, a humanidade continua ainda sendo um bando e animais. Podemos dizer que um bando de animais bem sucedidos, pelo menos até agora ou talvez pelos próximos 20 ou 30 anos, pois estamos destruindo o nosso planeta.

Como animais
Já escrevi e comentei muito sobre isso e continuo vendo, que somos como o nosso amigo, o cachorro... brincamos, comemos, rosnamos,cuidamos da casa, mas, se nos sentirmos ameaçados, atacamos.

Fazemos isso para defender nossos empregos, quando andamos na rua, trombamos e não dizemos desculpe, não abrimos as portas para os outros e muito menos oferecemos ajuda. Também gastamos mais do que necessário, juntamos mais que precisamos... parecemos com castores, guardando e guardando...

Vivemos em tocas... e principalmente, não paramos de nos reproduzir... veja só, pouco tempo atrás, éramos 5 bilhões... e agora, pouco tempo depois, somos 6.5 bilhões... logo, estaremos com 10 bilhões...

Reprodução
No reino animal, cada população tem um controlador. O controle populacional é definido por um predador ou, por um chefe. Bastou o controlador faltar ou ter alimento, pronto, a super população acontece.

No mundo dos ratos, isso acontece com freqüência... eles se mantém estáveis, até que algo acontece, e o responsável pelo ninho dá a ordem para que as fêmeas se reproduzam, mas, em vez delas terem 1 ou 2, todas tem dezenas de ratinhos... e com isso, muitos morrem de fome ou se tem uma infestação de ratos.

Hoje, pode-se dizer que a Terra está infestada de seres humanos e nos falta um controlador...

A natureza é sábia
A história deste planeta é recheada de fatos, onde, populações inteiras foram dizimadas, como no caso dos dinossauros... se eles ainda existissem, certamente não haveria a humanidade... talvez, eles fossem a vida inteligente do planeta.

A Terra está mudando, o clima ficando mais quente devido ao efeito estufa e logo, teremos muitas mudanças... que serão:

Redução na produção de alimentos
Praticamente todo o alimento consumido pela população do mundo, vem das plantações. Por mais que se plante, vai chegar um ponto, que não vai mais sobrar espaço arável e como que vai ser?

O grande problema é que o clima mudando, todas as colheitas, tipos de plantas e regiões antes produtivas, serão prejudicadas, como já estão sendo. O Brasil, que tem um clima maravilhoso, já está sentindo as diferenças.

Aumento nível do oceanos
Hoje, 2/3 da Terra são cobertos de água e ainda, tem muita água armazenada nos pólos na forma de gelo. Já não é de hoje, que estamos vendo o derretimento de geleiras milenares e estes eventos, antes raros, estão se tornando cada vez mais freqüentes... está previsto, se continuar na forma que está, os mares terão subido pelo menos uns 40 cm dentro dos próximos 20 anos e mais de 1 metro até o final do século.

Com 1 metro mais de água, milhares de cidades litorâneas vão deixar de existir e com isso, as populações terão que se mover para áreas mais altas e com isso, menos áreas aráveis.

Pragas, insetos e outros animais
Com a mudança do clima, tudo mudará, inclusive os tempos de eclosão de muitos insetos, como se tem visto por ai... cidades sendo invadidas por sapos, pernilongos e tudo que é tipo de bicho.

Falta de água
A água, por mais que pareça sobrar, estará ficando rara... porque a natureza tem o seu limite de recuperação, mas, o homem não para de tirar ao ponto de não dar tempo para a natureza repor.

Os rios precisam de chuvas e nascentes... que em muitos lugares a mudança de clima está secando ou diminuindo as águas.

O uso freqüente fossas, onde se espera que a água se infiltre no solo, poluirá os lençóis freáticos, fora, os problemas já causados pelos defensivos agrícolas e adubos químicos... tudo isso, vai infiltrando e logo chegará aos lençóis, poluindo a água.

Energia
As principais fontes de energia hoje do mundo, vem dos combustíveis fósseis... queimamos petróleo, gerando carbono, jogando na atmosfera, o que demorou milhões de anos para se guardar... e não paramos de queimar. O petróleo está para acabar, dura não mais de 40 anos.

A hidroelétricas, também são complicadas... porque precisam de água e já falei acima do problema, basta lembrar dos apagões do Brasil.

Existe soluções viáveis, mas ninguém quer pagar o preço... porque energia atômica é cara, mas é durável... solar, é cara, e não está ainda bem desenvolvida... elólica, seria muito bom, mas faltam investimentos.

O fim de nossa sociedade
Infelizmente se a humanidade, não deixar de lado o seu lado animal, de consumir o que pode, brigar pelo seu terreno, matar e principalmente, parar de se reproduzir, será muito bom, se conseguirmos chegar ao século XXII... imagine ao ano 3000?

A sociedade mundial, nunca foi tão frágil como agora... todas as economias são tão interdependentes, que nada pode parar... o planeta hoje funciona como um organismo vivo, onde, uma fábrica de celulares, usa material de empresas de dezenas de países do mundo, que também usam matéria prima de outras dezenas e assim vai. O Brasil depende do resto do mundo, os EUA e a Europa mais ainda... se um dia o ciclo de importações e exportações pararem... tudo vai parar.

Precisamos e LOGO, mudar para deixar um possível mundo para nosso filhos, netos e bis-netos.


http://www.artigonal.com/auto-ajuda-artigos/a-evolucao-humana-356217.html


Perfil do Autor


Especialista de projetos para Internet desde 1993, mantém diversos sites e projetos pessoais como o http://www.direito2.com.br/



Leia mais http://ruben.zevallos.com.br/

domingo, 17 de abril de 2011

Estão a ver porque motivo há necessidade de retirar as PENSÕES aos Idosos ? E porque uns tem direito a crédito e outros não???


Estão a ver porque motivo há necessidade de retirar as PENSÕES aos Idosos ? E porque uns tem direito a crédito e outros não??? Porque a Banca diz aos sensatos que não empresta porque a isso não é obrigada e que as avaliações não interessam nada??


Gestores com oito cartões de crédito
Gestores com oito cartões de crédito

Os ex-administradores da GEBALIS (empresa municipal da CM Lisboa) Francisco Teixeira, Clara Costa e Mário Peças receberam, entre Fevereiro de 2006 e Outubro de 2007, oito cartões de crédito daquela empresa municipal. O limite de crédito atribuído àqueles ex-gestores oscilou entre cinco mil euros e dez mil euros... por mês. O despacho de acusação do Ministério Público, a que o CM teve acesso, diz que, 'no início do mandato, a cada um dos arguidos foram fornecidos cartões de crédito', apesar de haver 'uma omissão legal e dos próprios Estatutos da Gebalis [sobre essa regalia]', segundo o relatório da Polícia Judiciária.

A Francisco Ribeiro, ex-presidente da Gebalis, foram dados, segundo o despacho de acusação, três cartões de crédito: um do BES com limite de 7500 euros, um do BPI com dez mil euros e um do Millennium bcp com cinco mil euros. Mário Peças, ex-vogal da empresa, teve também três cartões de crédito: um do BES com 7500 euros, um do BPI com dez mil euros e um do Millennium bcp com cinco mil euros.

Já Clara Costa contou com um cartão de crédito do BES com um limite de crédito de 7500 euros e outro do Millennium bcp com cinco mil euros. À excepção do cartão de crédito do BPI atribuído a Mário Peças, todos os cartões tiveram vários números e diferentes datas.

'Com os respectivos cartões de crédito em seu poder, cada um dos arguidos decidiu que os utilizaria para pagamento das despesas relativas a refeições suas e com amigos e outras pessoas de cujo convívio poderiam beneficiar no seu percurso profissional, político ou financeiro, quer nos dias de trabalho, quer em férias ou fins-de-semana, quer, ainda, no decurso de viagens ao estrangeiro', precisa o despacho de acusação do Ministério Público.

Ontem, Clara Costa manifestou a sua 'total inocência'.

REFEIÇÕES

De Março de 2006 a Outubro de 2007, Clara Costa gastou 11 530 euros em refeições com o cartão de crédito.

40 145 euros foi a despesa de Mário Peças em refeições, de Março de 2006 a Outubro de 2007, com cartões de crédito.

12 738 euros foi o gasto de Francisco Ribeiro em refeições, de Março de 2006 a Outubro de 2007, com cartões de crédito.

REFEIÇÕES EM RESTAURANTES DE LUXO

MÁRIO PEÇAS

RESTAURANTE DATA/HORA VALOR

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 11-02-006 / 17h12 134,50 euros+10,5 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 05-03-2006 / 17h09 304,40 euros + 25,6 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 29-04-2006 / 15h10 233.55 euros + 16,45 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 21-05-2006 / 16h05 237.75 euros + 12,25 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 10-06-2006 / 15h20 217.60euros + 12,4 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 13-06-2006 / 15h32 261.70 euros + 18,3 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 09-07-2006 / 15h37 253.20 euros + 16,8 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 27-08-2006 / 15h23 247.85 euros + 22, 55 euros de gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 11-11-2006 / 16h56 372.35 euros + 27,65 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 25-11-2006 / 16h25 305.40 euros + 24,6 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 14-01-2007 / 16h35 281.20euros + 38,8 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 05-05-2007 / 16h25 325 euros + 25 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 13-06-2007 / 16h01 287.30 euros + 22,7 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 29-09-2007 / 14h43 251.45 euros + 28,55 euros gratificação

Porto Sta Maria (Estrada do Guincho) 20-10-2007 / 16h11 310.85 euros + 29,15 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 01-12-2006 / 16h09 223.50 euros + 16,5 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 04-12-2006 / 15h58 142 euros + 18 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 14-12-2006 / 16h42 471.20 euros + 28,8 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 05-01-2007 / 15h27 206.50 euros +23,5 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 29-01-2007 / 16h52 262.50 euros + 27,5 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 01-03-2007 / 15h36 212.50 euros + 17,5 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 08-03-2007 / 15h42 225 euros + 25 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 10-03-2007 / 15h04 180.890 euros + 39,1 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 27-03-2007 / 21h50 147 euros + 15 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 28-03-2007 / 14h54 185.30 euros +14,7 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 18-04-2007 / 16h00 458.60 euros + 21,3 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 25-05-2007 / 14h59 318 euros +32 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 12-06-2007 / 22h52 206.90 euros + 13,1 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 25-07-2007 / 15h13 129.40 euros + 15 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 01-08-2007 / 16h06 209.40 euros + 10,6 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 28-08-2007 / 15h25 167.60 euros + 15 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 29- 08- 2007 / 14h56 141 euros + 19 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 18-09-2007 / 15h56 217.30 euros + 22,7 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 17-10-2007 / 15h38 151 euros

Varanda da União s/ data 106 euros + 9 euros gratificação

Varanda da União 20-02-2006 137.75 euros + 12,25 euros gratificação

Varanda da União 16-03-2006 212 euros + 18 euros gratificação

Varanda da União 29-05-2006 141.50 euros + 13,5 euros gratificação

Varanda da União 26-06-2006 90 euros + 10 euros gratificação

Varanda da União 30-10-2006 817 euros + 53 euros gratificação

Varanda da União 29-11-2006 112 euros + 13 euros gratificação

Varanda da União 18-12-2006 223.25 euros + 21.75 euros gratificação

Varanda da União 10-04-2007 204 euros + 16 euros gratificação

Varanda da União 17-04-2007 110 euros + 10 euros gratificação

Varanda da União 10-08-2007 153.25 euros + 16.75 euros gratificação

António do Barrote 03-08-2006 125.95 euros + 14.05 euros gratificação

António do Barrote 17-08-2006 208.95 euros + 11.05 euros gratificação

António do Barrote 18-01-2007 144.50 euros + 15.5 euros gratificação

António do Barrote 13-03-2007 188.85 euros + 21.15 euros gratificação

António do Barrote 29-05-2007 160.85 euros + 14. 15 euros gratificação

Sabores, Artes, Imagens (Parque das Nações) 01-09-2006 96.10 euros + 8,9 euros gratificação

Sabores, Artes, Imagens (Parque das Nações) 07-09-2006 65 euros + 5 euros gratificação

Restaurante o Terreiro do Paço 31-10-2006 213.30 euros + 11,7 euros gratificação

O Nobre 02-11-2006 190 euros + 9,12 euros gratificação

O Nobre 13-11-2006 149.30 euros + 10.7 euros gratificação

Jardim Visconde da Luz (Cascais) 05-11-2006 198.90 euros + 11,1 euros gratificação

Restaurante A Gondola 15-11-2006 105.30euros + 24.7 euros gratificação

Atanvá 30-11-2006 89.70 euros + 5,3 euros gratificação

Atanvá 29-03-2007 194.70 euros + 25.3 euros gratificação

Atanvá 30-07-2007 62.20 euros + 17,8 euros gratificação

Atanvá 16-08-2007 62.30 euros + 7,7 euros gratificação

Atanvá 27-08-2007 72.55 euros + 7,45 euros gratificação

Atanvá 28-08-2007 114.50 euros + 10.5 euros gratificação

Atanvá 13-09-2007 152.90 euros + 17,1 euros gratificação

Atanvá 11-10-2007 56.80 euros + 8,2 euros gratificação

Antavá 23-10-2007 73.55 euros + 6.45 euros gartificação

Restaurante Paberesbares 12-12-2006 131.50 euros + 13.5 euros gratificação

Restaurante Paberesbares 03-10-2007 113 euros + 17 euros gratificação

Restaurante O Cortador 13-12-2006 152.20 euros + 17,8 euros gratificação

O Jacinto 15-12-2006 125 euros + 15 euros gratificação

O Jacinto 17-12-2006 98.95 euros + 10.05 euros gratificação

O Jacinto 11-04-2007 158.65 euros + 11.35 euros gratificação

Tico Tico 11-03-2007 97.95 euros + 12.05 euros gratificação

A Laurentina 13-04-2007 61.20 euros + 13.8 euros gratificação

Taberna Ibérica 04-06-2007 199.60 euros + 20.4 euros gratificação

O Mercado do Peixe 14-06-2007 160.68 euros + 17.32 euros gratificação

Le Petit 26-07-2007 68.20 euros + 6.8 euros gratificação

O Polícia 22-08-2007 152.20 euros + 17,8 euros gratificação

Casa Gallega 16-08-2007 227.90 euros + 7.1 euros gratificação

Marisqueira Cais Sodré 19-09-2007 89.10 euros + 10.9 euros gratificação

Belcanto 27-09-2007 102 euros + 13 euros gratificação

Belcanto 24-10-2007 77 euros + 8 euros gratificação

1º Direito 04-10-2007 57 euros + 6 euros gratificação

O Galito 29-10-2007 57.55 euros + 7.45 euros gratificação

Ritz Four Seasons (Lisboa) 20-07-2006 321.75 euros + 28.25 euros gratificação

Ritz Four Seasons (Lisboa) 25-01-2007 110 euros

Sete Mares 16-04-2007 510.45 euros + 39.55 euros gratificação

Sete Mares 25-07-2007 251.25 euros + 18.75 euros gratificação

Vela Latina 31-03-2006 99.60 euros + 11,4 euros gratificação

Tertúlia do Paço 20-03-2006 112.20 euros + 7.8 euros gratificação

Restaurante XL 27-03-2006 106.05 euros + 8.95 euros gratificação

Gambrinus (Luxo) 08-05-2007 / 15h43 170.10 euros + 14,9 euros gratificação

Restaurante Paberesbares s/ data 130.50 euros +9.5 euros gratificação

Varanda da União 06-09-2006 102.25 euros + 7.75 euros

Este jovem come caro. E muito, não Vos parece??????

FRANCISCO RIBEIRO

Francisco Ribeiro efectuou pagamentos de refeições, utilizando cartões de crédito do BES (...) a partir de 31-05-2007 (...), do BPI (...) a partir de Setembro de 2007 (...) e Millenium (...) a partir de Março de 2007, num valor mensal aproximado e distribuídos pelos seguintes números de dias:

Mês Nº dias Valor/Mês

Março 06 13 794,00 euros

Abril 06 13 415,28 euros

Maio 06 10 321,35 euros

Junho 06 14 675,43 euros

Julho 06 13 302,19 euros

Agosto 06 8 629,29 euros

Setembro 06 14 729,27 euros

Outubro 06 9 297,98 euros

Novembro 06 8 163,41 euros

Dezembro 06 4 295,00 euros

Janeiro 07 4 158,00 euros

Fevereiro 07 6 245,00 euros

Março 07 7 508,00 euros

Abril 07 10 839,00 euros

Maio 07 13 1100,00 euros

Junho 07 13 610,00 euros

Julho 07 8 770,00 euros

!!!!!!!!!!!.............

Estão a ver porque motivo há necessidade de retirar as PENSÕES aos Idosos ? E porque uns tem direito a crédito e outros não??? Porque a Banca diz aos sensatos que não empresta porque a isso não é obrigada e que as avaliações não interessam nada??

quinta-feira, 14 de abril de 2011

ACORDA PORTUGAL ACORDA



SE DIMINUIREM 50% DESTAS DESPESAS PROVAVELMENTE NÃO PRECISAMOS DO FMI PARA NADA


Diário da República nº 28 - I série (para que se divulgue...)

"Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e



sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, aguentando pauladas, sacos

de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de

dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz

de sacudir as moscas...'

Guerra Junqueiro, in "Pátria", escrito em 1896

Diário da República nº 28 - I série- datado de 10 de Fevereiro de 2010 - RESOLUÇÃO da Assembleia da República nº 11/2010.

Poderão aceder através do site http://WWW.dre.pt/



Algumas rubricas do orçamento da Assembleia da Republica

1 - Vencimento de Deputados .................................................12 milhões 349 mil Euros
2 - Ajudas de Custo de Deputados.............................................2 milhões 724 mil Euros

3 - Transportes de Deputados ...................................................3 milhões 869 mil Euros

4 - Deslocações e Estadas .........................................................2 milhões 363 mil Euros

5 - Assistência Técnica (??) .......................................................2 milhões 948 mil Euros

6 - Outros Trabalhos Especializados (??) ...................................3 milhões 593 mil Euros

7 - RESTAURANTE,REFEITÓRIO,CAFETARIA...............................................961 mil Euros

8 - Subvenções aos Grupos Parlamentares................................................970 mil Euros

9 - Equipamento de Informática ................................................2 milhões 110 mil Euros

10- Outros Investimentos (??) ....................................................2 milhões 420 mil Euros

11- Edificios ...............................................................................2 milhões 686 mil Euros

12- Transfer's (??) Diversos (??)................................................13 milhões 506 mil Euros

13- SUBVENÇÃO aos PARTIDOS na A. R. .................................16 milhões 977 mil Euros

14- SUBVENÇÕES CAMPANHAS ELEITORAIS ...........................73 milhões 798 mil Euros

NO TOTAL a DESPESA ORÇAMENTADA para o ANO de 2010, é :? 191 405 356,61 (191 Milhões 405 mil 356 Euros e 61 cêntimos) - Ver Folha 372 do acima identificado Diário da República nº 28 - 1ª Série -, de 10 de Fevereiro de 2010.





É VERGONHOSO....,O POVO É QUE TEM DE PAGAR !!!!!!!!!!!! REPASSEM PARA QUE TODOS SAIBAM ACERCA DOS QUE FALAM EM NOME DO POVO E DOS INTERESSES DO PAÍS





O porquê de Portugal estar na falência!

Como se chama a isto em Português?



PORQUE ESTAMOS NA FALÊNCIA??????


420.000,00 ............TAP.............. ............administrador .........."Fernando Pinto

371.000,00 .............CGD.......................... administrador.......... "Faria de Oliveira

365.000,00 .............. PT.......... .................administrador.......... "Henrique Granadeiro

250.040,00..............RTP...........................administrador.......... "Guilherme Costa

249.448,00 ......Banco Portugal ............administrador.......... "Vítor Constâncio

247.938,00...............ISP.......................... administrador..........."Fernando Nogueira

245.552,00............CMVM........................ Presidente................."Carlos Tavares

233.857,00.............ERSE......................... administrador.........."Vítor Santos

224.000,00...........ANA COM....................administrador.........."Amado da Silva

200.200,00..............CTT........................... Presidente..............."Mata da Costa

134.197,00.... Parpublica.............. administrador........."José Plácido Reis

133.000,00...............ANA ........................ administrador.........."Guilhermino Rodrigues

126.686,00...............ADP......................... administrador.........."Pedro Serra

96.507,00............Metro Porto............... administrador.........."António Oliveira Fonseca

89.299,00 ...............LUSA........................ administrador.........."Afonso Camões

69.110,00..................CP........................... administrador.........."Cardoso dos Reis

66.536,00................REFER....................... administrador.........."Luís Pardal: Refer

66.536,00............Metro Lisboa.............. administrador.........."Joaquim Reis

58.865,00...............CARRIS..................... administrador..........."José Manuel Rodrigues"

58.859,00..................STCP........ ...............administrador.........."Fernanda Meneses"

----------------------------------------------------------------------------------------------

3.706.630,00 ?

-----------------------------------------------------------------------------------------------

51.892.820,00 Valor do ordenado anual (12 meses + subs Natal + subs férias)

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

926.657,50 Média Prémios

------------------------------------------------------------------------------------------

52.819.477,50 ?

------------------------------------------------------------------------------------------

900,00 Média de um funcionário público

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

58.688,31 - nº de funcionários públicos que dá para pagar com o mesmo dinheiro...

--------------------------------------------------------------------------------------------

E DEPOIS AINDA QUEREM SABER SE A MALTA

ESTÁ DISPOSTA A ABDICAR DO SUBSÍDIO DE

FÉRIAS E/OU NATAL PARA AJUDAR O PAÍS...


DISTRIBUAM e CIRCULEM

segunda-feira, 28 de março de 2011

ALI_SE: castigo por FIM

ALI_SE: castigo por FIM: "Castigamo-nos saboreando o que é proibido Castigamo-nos fumando e bebendo na dose do excesso Castigamo-nos Castigamo-nos na legalidade da ..."