Pesquisar este blog

sábado, 11 de agosto de 2007

Interessante...Completamente Verdade...Muito Obrigada


Você é uma pessoa que não só gosta de estar em contacto com outras pessoas, mas adora, e se interessa de maneira calorosa pelo bem-estar delas. Você “quer” gostar das pessoas, e tem uma capacidade única de fazer que essas pessoas te ofereçam o melhor delas mesmas. Você é extremamente hábil em “ler” o sentimento dos outros, e em entender o ponto de vista deles. Seu desejo de que todos gostem de você e que você seja agradável com todos, faz com que você seja uma pessoa que dá muito apoio aos outros. As pessoas gostam de estar perto de você, pois você tem esse dom especial de fazer as pessoas se sentirem bem sobre si mesmas.

Você encara suas responsabilidades com muita seriedade, e é extremamente confiável. Você valoriza a segurança e a estabilidade, e é uma pessoa fortemente focada nos detalhes da vida. Você enxerga o que precisa ser feito antes das outras pessoas, e faz o que for necessário pra garantir que essas tarefas sejam cumpridas. Você gosta de trabalhar dessa maneira e, aliás, é extremamente habilidoso em fazê-lo.

Você é uma pessoa calorosa e activa, que precisa da aprovação dos outros para se sentir bem consigo mesmo. Você se magoa em ver indiferença, e não compreende como pode haver pessoas que tratam mal a outras. Você é uma pessoa que se dá bastante, e que obtém muito da sua satisfação pessoal em ver alegria nas outras pessoas. Você quer ser apreciado e valorizado por quem você é, e pelo que você faz pelos outros. Você é muito sensível às pessoas, e cuida delas através de maneiras práticas, sem querer nada em troca. Aliás, você se importa tanto com os outros, que às vezes tem dificuldade em ver ou em aceitar uma difícil verdade sobre alguém com quem você se importa muito.

Com seu sentimento voltado para seu mundo exterior dominando sua personalidade, você se foca naturalmente em “ler” o sentimento das pessoas. Você tem uma forte necessidade de que os outros gostem de você, e de controlar as coisas. Você tem uma capacidade extremamente boa de “ler” os sentimentos dos outros, e freqüentemente muda sua própria maneira de ser para se tornar mais agradável a quem quer que esteja junto a você naquele momento.

Seu sistema de valores é definido pelo mundo exterior. Você provavelmente tem muitas idéias já bem formadas sobre a maneira que as coisas deveriam ser, e não tem vergonha em expressar sua opinião. Por outro lado, seu sistema de valores e de moralidade é baseado no do mundo à sua volta, e não num sistema interno, e propriamente seu. Dessa forma, você pode ter um forte código moral, mas que é definido pela comunidade em que você vive, ao invés de que por fortes valores internos que você defenda.

Se você teve o benefício de ter sido criado e de ter estado próximo a um forte sistema de valores que é ético e cercado de verdadeiras boas acções, você com certeza será uma pessoa extremamente gentil e generosa, daquelas que tira e dá a própria camisa sem pensar duas vezes. Nesse caso, a qualidade altruísta da sua personalidade é genuína e pura. Porém, se você não teve essa vantagem de desenvolver seus próprios valores em um ambiente com um sistema de valores que fosse bom e ético, você pode acabar desenvolvendo valores um tanto questionáveis. Nesse outro caso, você muito provavelmente acreditará na integridade distorcida desse seu sistema de valores. Como você não tem compreensão interna desses seus valores para poder corrigi-los, você os comparará com os da nossa sociedade, e com isso você poderá encontrar razões suficientes para conseguir justificar qualquer tipo de transgressão moral que você quiser. pois o sentimento extrovertido a levaria a controlar e a manipular com facilidade, enquanto a falta de intuição a preveniria de enxergar as conseqüências de longo prazo para as suas acções.

Você é uma pessoa que tem uma tendência natural de controlar seu ambiente, pois você sempre busca por estrutura, organização, e fechamento para as coisas. Assim, você se sente o mais confortável possível em ambientes bem estruturados. Você não gosta de trabalhos que envolvam conceitos abstractos e teóricos, ou de analisar as coisas sem envolver um factor humano. Você gosta é de criar ordem e estrutura, e é muito bom em tarefas que necessitem desse tipo de capacidade. Você só deve tomar cuidado para não tentar controlar pessoas que não gostem de ser controladas.

Você respeita e acredita nas leis e regras de autoridade, e acredita que outros também deveriam respeitá-las. Você é uma pessoa tradicionalista, que prefere fazer as coisas através de maneiras já estabelecidas e consistentes, ao invés de ficar se aventurando em áreas que você desconhece. Sua necessidade por segurança leva você a aceitar e aderir às regras do sistema estabelecido com facilidade. Esta tendência pode acarretar que você às vezes aceite regras cegamente, sem questioná-las, ou até sem compreendê-las.

Se você se cresceu num ambiente que não foi totalmente ideal você pode hoje ter uma tendência a ser um pouco inseguro, e a focar toda a sua atenção em agradar aos outros. Com isso você pode também ter virado aquela pessoa muito controladora, ou uma muito sentimental, que imagina más intenções onde elas não existem.

Você é uma pessoa calorosa, simpática, pronta a ajudar, cooperativa, que tem tacto para com as pessoas, realista, prática, meticulosa, consistente, organizada, animada e cheia de energia. Você aprecia tradição e segurança, e busca uma vida estável e de ricos contactos com amigos e família.

2 comentários:

Miss Slim disse...

Olá Manuela,
Pois é amiga, não se pode agradar a gregos de troianos.
O que conta é ficar de bem com a nossa consciência.
Bjoss

PT disse...

Sempre gostava de perceber porque é que uma pessoa com tais características tinha 0 comentários desde o dia 11!
Ou a sociedade portuguesa anda com óculos demasiadamente escuros ou já não entende o que é Luz e precisa de ser colonizada por descendentes dos
Etruscos!